Nosso medo e nosso amor

Sofro quando tenho medo
Quando tenho que evitar
Quando não posso gritar que te amo
E quando isso se torna só nosso
Quando o aperto de mão é delicado
Quando os beijos são escondidos
E quando o abraço se perde no nosso medo

Juntos em um momento nosso
Momento em que a gente se esconde e apaga a luz
Só escutam-se sussurros e beijos
A gente faz aquilo que ninguém pode saber
Que ninguém imagina
E que só a gente sabe
Só a gente entende

A gente se entende nos detalhes
Conversa por olhares
E ninguém acompanha
A gente se repete, até se inverte
Mas nunca ninguém impede
Mesmo com medo e insegurança a gente faz
A gente vive e se ama
Somos dois em um
Somos vários e somos todos
Quando estamos distantes, não somos nada
E não temos nada
Quando estamos distantes, só nos resta acreditar
Que tudo isso seja pra sempre, só de nós dois
E que seja pra sempre
Nosso medo e nosso amor.



4 comentários:

Gabriela Santiago disse...

SIMPLISMENTE PERFEITOO!

Shana Schons disse...

Tá Lindoo querido! Profundo...

Daniela disse...

Muito lindo Thiago, parabéns! Estou te seguindo ..rs..Tb...

Anônimo disse...

Po muito bom essa ! gostei !parabéns ! felicidades! Breno

Postar um comentário

Deixe seu comentário, crítica ou sugestão! Volte Sempre!