Antes e depois de você chegar

Eu não sei o que mais me deixa louco
Existem coisas abstratas demais em mim
Não sei se consomem, ou se perseguem
Mas fico louco com tudo, tudo me esmaga

Perco a noção, mudo a voz e a pulsação
Saio do chão e perco a razão
Faço-me de morto, não respiro e não me sinto
Faço isso para te sentir melhor
Simplesmente para saber quem tu és
Porque tocar em você não é suficiente
Te abraçar não tem sentido
E o teu beijo, isso eu não sinto mais

Perco-me dentro de tanta saudade
E isso me deixa louco
A ponto de te esquecer
Deixo de amar, para poder morrer
Enquanto isso, tudo me consome
Me esfarelo em cinzas que não são minhas
Em ruas que não conheço
Em portas que não tenho as chaves
Em corpos que não sinto a pele
Em momentos inéditos, que nunca vou viver
Por alguma razão isso acontece
E assim tem sido, todos os dias
Uma dor, um amor e um desejo
Desejo que escondo quando me tranco

Enfim, eu vou a cada dia perdendo mais a linha
Me alegrando e morrendo.
Sentindo e sofrendo
E ainda não sei onde eu preciso chegar
Sei que quando você chegar tudo isso vai sumir
E ai eu quero provar a felicidade que nunca tive
Do amor que desconheço e do abraço quente
Quando você chegar quero amar
E se você não chegar?
Ai então, os meus dias serão assim, com faiscas de felicidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, crítica ou sugestão! Volte Sempre!